O ISOLAMENTO TAMBÉM DO PÓ DE MINÉRIO

Será que o isolamento devido a pandemia do corona vírus , também conseguiu isolar o pó de minério que atinge boa parte da capital de Vitória? O pó preto despejado no no ar se faz presente há anos no Espírito Santo, sem que tenhamos uma medida efetiva para acabar com esse crime ambiental, que vem afetando a saúde da população, principalmente as crianças que sofrem com a asma e a bronquite.
Segundo o canal G1, os especialistas dizem que grande parte do pó preto que polui o ar e o mar de Vitória vem da mistura das partículas de minério de ferro (exportado) e carvão (importado), que passam pelo Porto de Tubarão.
Médicos avaliam que o tamanho da partícula do pó preto é tão pequena que pode chegar aos pulmões. Elas impregnam o órgão e podem diminuir a capacidade de captar oxigênio. O pó é capaz de atingir a nariz, a mucosa da boca e garganta. As consequências dependem do pulmão de cada pessoa. Crianças, idosos e pessoas com doenças como alergias, asma, enfisemas e doenças cardíacas são os mais afetados. Nos idosos, como o coração passa a ser mais exigido, aumentam casos de infarto.(G1).
Entra ano e sai ano, continuamos na mesma situação,talvez agora com a mídia jornalística voltada para a pandemia, aliás só falam nisso, o pó de minério ficará também isolado, quietinho sem que ninguém o pertube.
Essas e outras que acontecem, são coisas do nosso país varonil, viva o Brasil!

Angelo José D'Ambrosio

Mestre em Gestão Econômica Empresarial pela Fundação Getulio Vargas – FGV –RJ. Pós-graduado em Administração de Empresas pelo CEPG – Centro de Especialização e pós-graduação do Centro Superior de Vila Velha. Graduado em Ciências Contábeis pelo Centro Superior de Vila Velha. Graduado em Direito pelo Centro Superior de Vila Velha . Profissional liberal atuando na área do Direito Internacional, com 33 anos de experiência em cargos executivos de empresas nacionais (RJ, ES e BH), com foco em finanças e Comércio Exterior. Consultor de empresas com ênfase em Direito Internacional planejamento estratégico, construção de cenários, Marketing Internacional e gestão empresarial, no segmento de comércio exterior . Prof. Universitário nas cadeiras de Direito Internacional e Economia Internacional .